Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

""

Ferramentas Pessoais

This is SunRain Plone Theme

Navigation

Você está aqui: Entrada / Notícias / INE DIVULGA SEGUNDA-FEIRA RESULTADOS DEFINITIVOS DO CENSO 2017

INE DIVULGA SEGUNDA-FEIRA RESULTADOS DEFINITIVOS DO CENSO 2017

O Instituto Nacional de Estatística (INE), vai divulgar Segunda-Feira, 29 de Abril corrente, os Resultados Definitivos do IV Recenseamento Geral da População e Habitação, operação estatística que foi realizada em 2017 em todo o País. O evento, para o qual foram convidadas individualidades representando instituições públicas, privadas, da sociedade civil, universidades, parceiros de cooperação, autoridades locais, entre outros, será dirigida pelo Chefe do Estado moçambicano, Filipe Jacinto Nyusi.

A divulgação dos resultados, desta que é a mais importante e complexa, operação estatística que o País realiza, de dez em dez anos, culmina todo um processo iniciado com a actualização da cartografia censitária, actividade que foi seguida da recolha de dados, por equipas de recenseadores em todo o território nacional, de 1 a 15 de Agosto de 2017.

Refira-se que a anteceder a apresentação pública deste importante acervo de informação indispensável para a definição de políticas públicas, foi realizado um aturado trabalho de processamento e análise da informação recolhida no terreno, acção que envolveu equipas constituídas por técnicos especializados em demografia e em informática, entre outras áreas técnicas.

Com a divulgação dos resultados definitivos do Censo 2017, o País passará a dispor de informação actualizada, relativamente ao número total da população por sexo e idade, o número dos Agregados Familiares desagregados por País, Província, Distrito e Posto Administrativo, bem como o número habitações existentes em Moçambique, entre outros indicadores de grande relevo económico e social.

O sucesso de uma operação da dimensão do censo 2017, tornou-se possível, graças a participação das comunidades, instituições públicas e privadas, parceiros de cooperação, entre outros importantes actores. Por isso, o INE agradece ao Povo Moçambicano e a todos os que directa ou indirectamente, nacionais e expatriados, tornaram possível a realização deste Censo.